sábado, 6 de dezembro de 2014

Caráter de Cristo - buscando O CAMINHO

Dizer ser "Cristão", religioso, seguidor, discípulo, será que isto já define alguém possuir o "Caráter de Cristo"? Muito se tem escrito sobre isto. Se procurarmos na internet, livros e outras fontes mais veremos centenas de referências a tal proposta.

Será que mesmo sendo assim, aqueles que declaram, cristãos, evangélicos e outros mais já adquirem tal proposta ou propósito? Tem sua fé internalizada, ou apenas diz crer?

Pelo Dicionário Aurélio do Idioma Português, entre outras definições completantes entre si, destaco aqui. Caráter é a base de  quem se distingue de outra pessoa, índole, natureza, temperamento. Conjunto de qualidades de um indivíduo, conduta, concepção moral.

Agora é que o bicho pega. Saber pode até ser fácil, porém praticar, como dito "internalizar" tais propostas de vida não é fácil, precisa-se de muito esforço, vigiar, boa vontade, luta.

Declarar-se religioso é fácil, mas remover a montanha interior não é tão simples assim.

Conquistar o propósito objetivado em ter foco em evoluir, crescer, ser útil a si, ao próximo e assim ampliar  horizontes e equilibrar-se no propósito de nascer de novo, como dito, não é tão simples assim. Infelizmente quantos não estão nem um pouco ocupados ou preocupados com o sentido dos ensinos. Alguém no passado disse: Transformai-vos !

Muitos buscam apenas acomodação religiosa, uma adaptação melhor ao conceito de religiosidade, criando um monte de desvios, seguindo-os, e com "muita razão".

Fofocas, conversas sem objetivos, movimentos vãos, culturas desinformantes, idolatrias diversas, críticas desfundamentadas, e até mesmo idolatria à Biblia "Cultua-se mas não se estuda", vivendo em anulantes práticas religiosas.

Em nossa exuberante cultura de torcedor de futebol, torcemos por esta por aquela, e pronto.

Nada fora em vão quando Jesus citou: Orai e vigiai. O apóstolo Paulo, orai sem cessar ! E assim seguem as indicações do novo CAMINHO, como Jesus mesmo disse: Eu sou !
E também quando o pensador disse "Caráter tem endereço fixo - Elank Lever".

Novamente reitero o citado: Mudar de religião é fácil, mudar de título religioso é fácil. Agora trabalhar em si mesmo, redirecionar, nascer de novo, buscar andar pelo CAMINHO da verdade, caminho da fundamentada fé é resultado de luta diária.

Não vou julgar aqui, mas será que todos que dizem se converterem realmente estão dispostos? Eu mesmo tenho que olhar no meu espelho, na minha montanha interior para removê-la. Regenerar para santificar.

Jesus quando aqui esteve, deixou um legado de exemplos de caráter, qualidades e virtudes. Que hoje lemos, ouvimos. Mas agora passar do ouvir, para o caminhar na prática, adequar ao comportamento do dia a dia.

Entre coisas aceitas e não aceitas cada um vai redefinindo seu propósito de vida. Adquirindo valores que vem do fundamento das coisas, uma mudança prática e não apenas de religião, mas de objetivo em Cristo, que passam a ser plataforma de vida independente de qualquer situação, remodelando o arquivo de valores pessoais.


Construir e zelar pelo caráter é a principal função do ser humano. Como dito por Jesus: De que adianta ganhar o mundo e perder a alma?. Infelizmente muitos dizem gostar ou não gostar de outros, sem ter a menor noção de autoestima, ou amor próprio. Como se pode oferecer aquilo que não se tem?


O caráter de Cristo é a autodeterminação de sair dos desvios e buscar O CAMINHO. Assim como os apóstolos diziam. O próprio apóstolo Paulo assim citou: Sigo o Caminho. Não disse ser desta ou daquela religião, mas seguia O CAMINHO.

O caráter só pode ser construído encima de muito estudo, avaliações, reflexões, ponderações. Assim adquirir discernimento espiritual. Conquistando valores espirituais na extensão do conhecimento. Envolvimento com os valores oferecidos por Deus, e não apenas práticas religiosas anulantes, e muitas das mesmas sem nenhuma base bíblica.

Meu objetivo aqui não é oferecer uma aula de Caráter, mas apenas expor aqui a necessidade de CAMINHAR. Somos caminhantes, precisamos seguir, evoluir, crescer e sermos úteis ao mundo e ao Reino de Deus. Alguém pode perguntar. Ao mundo? Sim, sendo um bom estudante, profissional, pai de família, cidadão, eleitor, e um grande estudioso da palavra de Deus. Orando sem cessar, vigiando e desenvolvendo na fé. Não um anulado religioso e muitas vezes fugitivo do Reino de Deus.

Buscando a realidade, praticando a verdade. Como dita pelo Rei Davi! A única verdade são os juizos de Deus.

Palavras : Tendência
                 Caminho
                  Extensão do Conhecimento.




Pag. 18
.

.
http://www.cristoparaasnacoes.org/apostilas/ap009.pdf 
aces: em 07.12.2014
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...